COMENTE

Sua opinião é importante. Comente, critique, sugira, participe da discussão.

domingo, 22 de setembro de 2013

LIVRO, FAZENDO AMIGOS


    Por Luiz Carlos Amorim – Escritor – Http://www.prosapoesiaecia.xpg.com.br

As iniciativas de gente criativa e dedicada à fazer a cultura chegar a todos merece todo o nosso aplauso e reconhecimento. Sempre que sei de alguém que achou uma maneira nova e original para difundir a leitura, para facilitar o acesso ao livro, eu faço questão de divulgar. Já fiz muito isso. Recolher lixo reciclável para trocar por livros, sair à rua catar livros pela vizinhança para formar uma biblioteca de comunidade, colocar livros em lugares públicos para que as pessoas levem para ler e depois larguem, de novo, em outro local, para que outra pessoa leve, e assim por diante.

Hoje quero falar da professora Edna Matos, de Minas Gerais. Ela é leitora assídua do meu blog e multiplicadora das minhas crônicas nas suas aulas. A professora  reuniu algumas crônicas minhas, publicadas ultimamente, sobre livros, leitura, literatura, bibliotecas e montou um projeto para trabalhar com suas turmas de alunos. “Livros, fazendo amigos e levando histórias viajantes” é o nome do projeto e ele consiste em arrecadar muitos livros para doar a crianças hospitalizadas, a uma creche e ao asilo da cidade onde mora, Divinópolis. Não é maravilhoso?

Ela vai, depois, com seus alunos, levar os livros àqueles lugares já citados, para a entrega dos livros, mas não é só isso. A professora Edna, durante o desenvolvimento do projeto, pedirá aos seus alunos que escrevam cartas  entregar às crianças e aos idosos que receberão a doação, falando de livros que eles já leram na escola ou em casa, como sugestão de leitura e no intuito de despertar a curiosidade para a sua leitura. E os próprios alunos da professora lerão, para as crianças hospitalizadas, para as crianças da creche e para os idosos do asilo.

Sem dúvida é uma iniciativa meritória. E me lembra uma outra professora, aqui do nosso Estado, de Joinville, que faz um trabalho parecido. A professora Mariza, que pede a seus alunos que escrevam cartinhas de solidariedade aos pacientes de um hospital de Joinville que trata do câncer.

São professores assim que são alento à educação deste nosso país, que fazem a diferença em sua comunidade, com sua dedicação completa aos estudantes, ao magistério, à comunidade.

Parabéns, professora Edna. O Brasil precisa de mais pessoas como a senhora. Fico aqui muito lisonjeado que minhas crônicas tenham colaborado para que a senhora engendrasse um projeto tão fantástico, tão importante, que vai beneficiar tantas pessoas que precisam do nosso carinho e atenção e ainda divulga a literatura. Obrigado pelo voto de confiança.

Um comentário:

  1. Meus parabéns pelo projeto,Professora Edna Matos como Immanuel Kant dizia:"O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele." parabéns pela ideia inovadora e criativa e espero que tenha sucesso em seu projeto.

    ResponderExcluir