COMENTE

Sua opinião é importante. Comente, critique, sugira, participe da discussão.

terça-feira, 3 de abril de 2012

O ABUSO DO SOM MUITO ALTO

Por Luiz Carlos Amorim – Escritor – http://www.prosapoesiaecia.xpg.com.br/


Esta semana li uma matéria, em jornal local, sobre o abuso do barulho em São José. Os “sons” nos carros são ligados em altíssimos volumes, tanto de dia como de noite. Fiquei sabendo que desde 2009, o problema vem sendo alvo de discussão pela Câmara de Vereadores, embora até agora não tenha sido homologada nenhuma lei para reforçar o silêncio, pelos menos, depois das 22 horas.

A matéria foca o som automotivo muito alto no bairro Kobrasol. Sei como é, porque já morei lá, mas não é só lá, não. Moro em Barreiros, na divisa com Florianópolis, e tenho que agüentar vizinhos que colocam, a qualquer hora do dia e até à noite, o som a todo volume, tão alto que não dá para conversar ou assistir televisão dentro de casa. Já liguei diversas vezes para a polícia, mas ela não veio. Acho que vou ter que ir à delegacia formalizar queixa, mas não sei se isso resolve.

Segundo o jornal há uma campanha da Secretaria de Segurança, Defesa Social e Trânsito de São José, contra o som alto de automóveis pelas ruas, calçadas e jardins, na qual estão engajadas, também, a Polícia Civil e Militar, a Guarda Municipal e outros instituições.

Espero que funcione e que a situação melhore, pois é impraticável. São José tem Lei do Silêncio desde 2001, mas parece que não foi colocada em prática até então

Nenhum comentário:

Postar um comentário