COMENTE

Sua opinião é importante. Comente, critique, sugira, participe da discussão.

sexta-feira, 15 de abril de 2011

TRANSPORTE COLETIVO E EDUCAÇÃO

     Por Luiz Carlos Amorim – Escritor – http://www.prosapoesiaecia.xpg.com.br/  


O prefeito da capital e o novo governador do Estado estão cada vez melhores. O governador quer porque quer dar uma escola estadual para os deputados aumentarem ainda mais as despesas de manutenção e pessoal fora do elefante branco que é a Assembleia. Em detrimento da educação, que já é um caos. Ninguém sabia de nada, ninguém consultou ninguém, o governador caneteou e até a própria assembléia (assim, minúscula mesmo) manifestou-se disposta a devolver o presente. Não é uma beleza?

O prefeito da capital autorizou aumento da tarifa do transporte coletivo, de novo, e rapidinho ela passa a valer neste domingo. Isso, logo depois de algumas empresas extinguirem algumas linhas e diminuir horários de outras, entupindo ainda mais as que ficaram, nos horários de pico e até fora deles. Quer dizer: diminuem os gastos e aumentam a passagem. Não é uma beleza? Isso sem contar que as empresas em Florianópolis ganham um “subsídio” de um milhão de reais da Prefeitura Municipal, todos os meses – isso não sou eu que estou dizendo, a imprensa divulgou mais de uma vez. E de onde sai esse dinheiro? Do bolso do contribuinte, é lógico, o que significa que ela paga duas vezes a mesma passagem. E sem contar, ainda, que as passagens daqui da capital são as mais caras do Brasil. Com ônibus ruins, sujos e menos deles circulando do que é necessário.

Mas o senhor prefeito, vereadores, etc. não andam de ônibus, não é?

Um comentário:

  1. Não vou nem comentar sobre transporte público aqui em Rio Branco/AC. O motivo? Tenho vergonha. Um abraço, Amorim!

    ResponderExcluir