COMENTE

Sua opinião é importante. Comente, critique, sugira, participe da discussão.

domingo, 9 de outubro de 2011

O CONTRIBUINTE E A COPA

Por Luiz Carlos Amorim – Escritor - http://www.prosapoesiaecia.xpg.com.br/

A Copa do Mundo, aquele que vai ser realizada no Brasil, continua rendendo desastres. Além dos atrasos da infraestrutura para o evento, além do Estado estar arcando com o custo das construções de estádios para acolherem os jogos, a novidade mais recente é que a Fifa não gostou do fato de, no Brasil, haver uma lei que garante meia entrada para estudantes e idosos. Alega que vai ter prejuízo com isso, que não vão arrecadar o que esperavam. Ameaçam, até dobrar o preço dos ingressos.

Em vista disso, um gaiato, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, sugeriu que o poder público banque a diferença, para que a dona Fifa não tenha prejuízo. Não é hilário? O contribuinte já está sendo sacrificado, pois o dinheiro que está sendo gasto para construir os estádios para a Copa é o mesmo dinheiro juntado às custas de impostos escorchantes que ele paga e que deveria ser usado na saúde, na educação, na segurança, que estão falidos. No entanto o senhor prefeito do Rio quer que nós paguemos rios de dinheiro para a Fifa, para que “ela não ganhe menos do que está acostumada a ganhar”.

Parece brincadeira. Se o país não tem condições de sediar um evento como a Copa, porque se candidatou?

2 comentários:

  1. Estou cansado de puxar a carroça.
    Está na hora de partir para os coices e quebrar a maldita. Que Zé-do-burro ande a pé.

    ResponderExcluir
  2. Pois é, Dona Demagogia está aí dando as cartas e se lixando para as consequencias nefastas dos seus atos irresponsáveis. Enquanto isso, os incautos vão se iludindo e não deixam de aplaudir essa aventura que nos coloca como refens dessa outra ditadora, a famigerada FIFA.

    ResponderExcluir