COMENTE

Sua opinião é importante. Comente, critique, sugira, participe da discussão.

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

ESTRADAS SEM MANUTENÇÃO

Por Luiz Carlos Amorim – Escritor – http://www.prosapoesiaecia.xpg.com.br/


Está certo que choveu muito, mas a BR 101 está muito esburacada. E já estava antes da chuva. Viajei, de novo, para o norte do Estado e fiquei pasmo com o estado da estrada, que é pedagiada.

Há buracos, crateras, em todo o trajeto, tanto na ida quanto na volta. Vi apenas uma equipe da concessionária tapando buracos. E daquela maneira porca, derramando asfalto nos buracos com uma pá e depois batendo em cima, para “compactar”. É o que resulta naqueles tantos montículos no meio da estrada, aqueles calombos que não deveriam existir, assim como não deveriam existir os buracos, pois paga-se pedágio ao logo de toda a BR 101.

Pergunto, pela terceira vez: quem deve fiscalizar a concessionária, cobrar dela o cumprimento do contrato, a execução das obras necessárias na estrada? É uma vergonha trafegar numa estrada toda pedagiada e ao mesmo tempo toda esburacada. Para que pagamos pedágio?

Não é à toa que foram denunciados tantos escândalos no Ministério dos Transportes e no Dnit. O que não os exime de tomarem providências para que a manutenção da 101 seja feita, pois o dinheiro do pedágio, que não é pouco, está entrando diariamente, não sabemos para quem, porque não está sendo aplicado na estrada.

Precisamos nos mobilizar para cobrar, também, mais essa falta de respeito para conosco. Os protestos contra a corrupção já começaram, em alguns lugares um pouco timidamente, mas aconteceram por todo o Brasil. Tomara que não parem. Precisamos nos indignar, protestar, não aceitar o que os corruptos nos impõe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário