COMENTE

Sua opinião é importante. Comente, critique, sugira, participe da discussão.

quinta-feira, 3 de maio de 2012

A NOVELA SE REPETE



Por Luiz Carlos Amorim

Os professores estão de novo em greve, levados a isso pelo governo do Estado, que não cumpriu o que prometeu na greve passada. Aliás, não cumpriu o que a lei determina. O piso salarial é lei e tem que ser cumprida.

Aí o governo não cumpre o que foi acertado, negociado, e não paga o que é devido. Os professores têm que ir à luta para cobrar o que é de direito e acabam ficando de vilões, como se, simplesmente, não quisessem trabalhar. E os representantes do governo se negam a receber os representantes dos professores, “lamentando o fato de que “não podem negociar” com os professores parados. Se não negociam com os professores parados, com os professores trabalhando vão continuar empurrando o cumprimento das promessas sempre para a frente, como sempre.

Quem trabalha quer receber o pagamento pelo seu trabalho. E quando uma das partes não cumpre o contrato, a prestação do serviço tem que descontinuar, é o óbvio.

Essa novela já é velha. O governo promete e não cumpre, deixa que os trabalhadores protestem e que o público os professores pela falta de aulas dos filhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário