COMENTE

Sua opinião é importante. Comente, critique, sugira, participe da discussão.

quinta-feira, 28 de junho de 2012

POESIA NA RUA, DE NOVO, EM JOINVILLE

Por Luiz Carlos Amorim – Escritor – http://www.prosapoeisaecia.xpg.com.br/


Recebi convite para participar da Manhã Cultural promovida pela Secretaria de Educação de Joinville da Coordenação de Bibliotecas daquele município, que acontecerá no dia 4 de julho, na Praça Lauro Muller. Haverá Varal Literário, leituras poéticas, contação de histórias na Biblioteca Móvel e apresentações musicais.

Ora, isso me lembra a Feira de Arte e Artesanato, que existiu até meados dos anos noventa, na Praça Nereu Ramos. O Grupo Literário A ILHA era presença obrigatória na feira. Os seus integrantes levavam o tanto de arte, com o Varal da Poesia e o Recital de Poemas, além de lançamentos de livros, e havia até quem comparecesse ao evento para ler e ouvir os novos poemas dos poetas da praça, como ficaram conhecidos os integrantes do grupo.

Então o convite me deixa muito feliz, embora eu não possa comparecer por compromisso anteriormente firmado, pois vejo que finalmente a poesia está voltando à rua em Joinville, coisa que não havia mais acontecido naquela cidade depois que o Grupo Literário A ILHA migrou para Florianópolis.

Congratulo-m e com a Confraria de Escritores, nova entidade que reúne os escritores da Manchester Catarinense, que está retomando as atividades literárias que o Grupo A ILHA fazia nos anos 80 e 90 naquela cidade.

O Grupo Literário A ILHA levou a poesia para a rua, para as festas, para as escolas, para os bares e até para os bancos de Joinville. É muito bom ver que a semente deixada pelo grupo germinou e aquelas atividades que trouxemos conosco voltaram a acontecer em Joinville.

Que prospere e se multiplique. A poesia é necessária. A literatura é necessária. Precisamos levá-las para a rua, ao encontro do leitor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário